You are here

Força Nacional de Segurança assume a segurança das áreas de competições dos jogos Rio 2016

A Força Nacional de Segurança assume hoje (5) o controle da vigilância e policiamento das áreas de competição dos Jogos Olímpicos Rio 2016. Faltando 30 dias para o início do principal evento esportivo mundial, também começa hoje a operação integrada de segurança para a Olimpíada, coordenada pela Secretaria Extraordinária de Segurança para Grandes Eventos do Ministério da Justiça.

Entre as medidas da operação, figura a ativação do Sistema Integrado de Comando e Controle, que terá a função de integrar as forças de segurança em torno do evento esportivo. O sistema será baseado no Centro Integrado de Comando e Controle do Rio de Janeiro, que funciona no centro da cidade.

Participarão do sistema as forças de segurança pública, defesa civil e ordenamento urbano.

 

Foto: Roberto Castro/ME

Foto: Roberto Castro/ME

05/07/2016- Rio de Janeiro- RJ, Brasil- Ministro da Justiça, Alexandre de Moraes, na cerimônia onde a Força Nacional de Segurança assume a segurança das áreas de competições dos jogos Rio 2016.

Foto: Fernando Frazão/ Agência Brasil

Foto: Fernando Frazão/ Agência Brasil

Foto: Fernando Frazão/ Agência Brasil

Foto: Fernando Frazão/ Agência Brasil

Foto: Fernando Frazão/ Agência Brasil

Foto: Fernando Frazão/ Agência Brasil

Foto: Fernando Frazão/ Agência Brasil

Foto: Fernando Frazão/ Agência Brasil

Foto: Fernando Frazão/ Agência Brasil

Foto: Fernando Frazão/ Agência Brasil

Foto: Fernando Frazão/ Agência Brasil

Foto: Fernando Frazão/ Agência Brasil

Foto: Fernando Frazão/ Agência Brasil

Foto: Fernando Frazão/ Agência Brasil

Foto: Fernando Frazão/ Agência Brasil

Foto: Fernando Frazão/ Agência Brasil

Foto: Fernando Frazão/ Agência Brasil

Foto: Fernando Frazão/ Agência Brasil

Foto: Fernando Frazão/ Agência Brasil

Foto: Fernando Frazão/ Agência Brasil

Foto: Fernando Frazão/ Agência Brasil

Foto: Fernando Frazão/ Agência Brasil

Foto: Fernando Frazão/ Agência Brasil

Foto: Fernando Frazão/ Agência Brasil

Foto: Fernando Frazão/ Agência Brasil

Foto: Fernando Frazão/ Agência Brasil

Foto: Fernando Frazão/ Agência Brasil

Foto: Fernando Frazão/ Agência Brasil

Foto: Fernando Frazão/ Agência Brasil

Foto: Fernando Frazão/ Agência Brasil

Foto: Fernando Frazão/ Agência Brasil

Foto: Fernando Frazão/ Agência Brasil

Foto: Fernando Frazão/ Agência Brasil

Foto: Fernando Frazão/ Agência Brasil

Foto: Fernando Frazão/ Agência Brasil

Foto: Fernando Frazão/ Agência Brasil

Foto: Fernando Frazão/ Agência Brasil

Foto: Fernando Frazão/ Agência Brasil

Foto: Fernando Frazão/ Agência Brasil

Foto: Fernando Frazão/ Agência Brasil

Foto: Fernando Frazão/ Agência Brasil

Foto: Fernando Frazão/ Agência Brasil

Foto: Fernando Frazão/ Agência Brasil

Foto: Fernando Frazão/ Agência Brasil

Foto: Roberto Castro/ME

Foto: Roberto Castro/ME

Foto: Roberto Castro/ME

Foto: Roberto Castro/ME

Foto: Roberto Castro/ME

Foto: Roberto Castro/ME

Foto: Roberto Castro/ME

Foto: Roberto Castro/ME

Foto: Roberto Castro/ME

Foto: Roberto Castro/ME

Foto: Roberto Castro/ME

Foto: Roberto Castro/ME

Foto: Roberto Castro/ME

Foto: Roberto Castro/ME

Foto: Roberto Castro/ME

Foto: Roberto Castro/ME

Foto: Roberto Castro/ME

Foto: Roberto Castro/ME

Foto: Roberto Castro/ME

Foto: Roberto Castro/ME

Foto: Roberto Castro/ME

Foto: Roberto Castro/ME

Foto: Roberto Castro/ME

Foto: Roberto Castro/ME

Foto: Roberto Castro/ME

Foto: Roberto Castro/ME

Foto: Roberto Castro/ME

Foto: Roberto Castro/ME

Foto: Roberto Castro/ME

Foto: Roberto Castro/ME

Foto: Roberto Castro/ME

Foto: Roberto Castro/ME

Foto: Roberto Castro/ME

Foto: Roberto Castro/ME

Foto: Roberto Castro/ME

Foto: Roberto Castro/ME

Deixe uma resposta

Top