You are here
Home > Notícias

José Dirceu é condenado a mais de 23 anos de prisão por envolvimento em crimes investigados pela Lava Jato

O juiz federal Sérgio Moro, responsável pela Operaçãpo Lava Jato, condenou o ex-ministro José Dirceu a 23 anos e três meses de prisão pelos crimes de corrupção, de lavagem e de pertinência à organização criminosa. A pena deverá ser cumprida inicialmente em regime fechado. Cabe recurso da condenação.

No mês passado, o Ministério Público Federal (MPF) pediu à Justiça Federal do Paraná a condenação do ex-ministro José Dirceu, do ex-tesoureiro do PT João Vaccari Neto, e de mais 13 réus da ação penal decorrente da 17ª fase da Operação Lava Jato, batizada de Pixuleco. O pedido foi feito nas alegações finais.

No pedido, o MPF acusa Dirceu dos crimes de organização criminosa, corrupção passiva e lavagem de dinheiro.

Na decisão, o juiz lembrou que o ex-ministro já foi condenado anteriormente pelo Supremo Tribunal Federal (STF), por corrupção passiva, na Ação Penal 470, o caso do mensalão. Com relação à Lava Jato, a decisão diz que “a prática do crime corrupção envolveu o recebimento de cerca de R$ 15 milhões em propinas, considerando apenas a parte por ele recebida”.

 

Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil (11/04/2014)

Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil (11/04/2014)

18/04/2016 – Curitiba – PR, Brasil -José Dirceu foi condenado  a 23 anos e três meses de prisão por corrupção passiva, recebimento de vantagem indevida e lavagem de dinheiro revelados pela Operação Lava Jato.

Foto: Marcello Casal/Agência Brasil (08/04/2015)

Foto: Marcello Casal/Agência Brasil (08/04/2015)

Foto: TV Brasil (03/08/2015)

Foto: TV Brasil (03/08/2015)

Deixe uma resposta

Top