You are here
Home > Notícias

No Rio de Janeiro, o prédio e anexo desativados ao lado do Hospital Albert Schweitzer foram implodidos

Foto: Paula Johas/ PCRJ

Foto: Paula Johas/ PCRJ

15/05/2016- Rio de Janeiro- RJ, Brasil- A Prefeitura do Rio implodiu neste domingo (15/05), às 7h, o prédio e o anexo desativados ao lado do Hospital Municipal Albert Schweitzer, em Realengo, onde até o início do ano funcionavam a cozinha e o refeitório da unidade.

Foto: Paula Johas/ PCRJ

Foto: Paula Johas/ PCRJ

15/05/2016- Rio de Janeiro- RJ, Brasil- No passado, o espaço abrigou o Hospital Padre Olivério Kraemer. Após a municipalização, em janeiro, o Albert Schweitzer ganhou novos refeitório e cozinha, em condições mais adequadas para a preparação de refeições dos funcionários, pacientes e visitantes. Após a remoção dos entulhos da demolição, será construída no local a Coordenação de Emergência Regional de Realengo (CER Realengo), a sexta da cidade e a terceira na Zona Oeste.

Foto: Paula Johas/ PCRJ

Foto: Paula Johas/ PCRJ

15/05/2016- Rio de Janeiro- RJ, Brasil- A Coordenação de Emergência Regional (CER) de Realengo será a sexta unidade do tipo na cidade, que já conta com as coordenações de emergência do Centro, Leblon, Ilha do Governador, Barra da Tijuca e Santa Cruz. Elas são concebidas para funcionar próximas aos hospitais de urgência e emergência do município, concentrando os casos clínicos de pequena e média complexidade e, assim, desafogando os atendimentos na grande emergência.

Foto: Paula Johas/ PCRJ

Foto: Paula Johas/ PCRJ

15/05/2016- Rio de Janeiro- RJ, Brasil- A CER Realengo terá 23 leitos de observação nas salas Vermelha e Amarela, com capacidade para realizar até 600 atendimentos por dia. Além da nova CER, no espaço será construído também o acesso para a nova portaria social do Hospital Municipal Albert Schweitzer, que terá a atual transformada em Pronto Atendimento de Urgências e no Acolhimento da Maternidade.

Foto: Paula Johas/ PCRJ

Foto: Paula Johas/ PCRJ

15/05/2016- Rio de Janeiro- RJ, Brasil- Na entrada que hoje concentra toda a Emergência será mantido apenas o ingresso dos casos de trauma. As obras de reorganização da Emergência do Albert Schweitzer ficam prontas ainda no primeiro semestre e representam um investimento de cerca de R$ 5 milhões.

Foto: Paula Johas/ PCRJ

Foto: Paula Johas/ PCRJ

Foto: Paula Johas/ PCRJ

Foto: Paula Johas/ PCRJ

Foto: Paula Johas/ PCRJ

Foto: Paula Johas/ PCRJ

Foto: PCRJ

Foto: PCRJ

Foto: PCRJ

Foto: PCRJ

Foto: PCRJ

Foto: PCRJ

Foto: PCRJ

Foto: PCRJ

Deixe uma resposta

Top