You are here

Desfile do Bloco Nem Muda Nem Sai de Cima

O já tradicional desfile do bloco tijucano Nem Muda Nem Sai de Cima comemorou os vinte anos de existência da agremiação com muita alegria, irreverência e descontração, no último sábado.

BLOCO003

Com o enredo “De bar em bar pelas ruas da Tijuca”, o bloco fez uma grande homenagem aos boêmios da região e, em especial, ao Mestre Basile, compositor e amigo do bloco, falecido recentemente.

BLOCO_01

O Nem Muda foi fundado no bar da Tia Maria, famoso por seus quitutes, e frequentado, na época, por compositores e sambistas ilustres como Moacyr Luz e Aldir Blanc, entre outros, que moravam nas proximidades. Juntos, resolveram criar um bloco de carnaval para brincar com seus amigos e familiares. Logo o bloco caiu no gosto dos moradores do bairro e cresceu. Hoje, a nova geração de sambistas é que é responsável pelo desfile, tendo a frente o músico Guilherme Sá.

BLOCO004

Segue um pequeno trecho do samba que embalou os foliões: “Dona Maria você tem que me esperar, no bar do Momo vou beber maracujá. Se o pavão errar, eu perco a linha. Não vou pagar nem a coxinha (…)”.

Deixe uma resposta

Top