You are here

Carolina do Sul entra em estado de emergência após inundações

Carolina do Sul- O presidente Barack Obama  declarou que a Carolina do Sul está em estado de emergência após inundações provocadas pelas fortes chuvas que atingiu a região. Em um comunicado foi divulgado neste sábado (3) pela Casa Branca, Obama ofereceu ajuda federal para complementar os esforços das administrações estaduais e locais. O presidente americano também autorizou as agências federais para coordenar os esforços de alívio de desastre, de acordo com o comunicado.
As notícias de que o furacão Joaquim não atingirá os Estados Unidos trouxeram alívio para moradores e para as autoridades, mas o país pode ter chuvas fortes e registrar ressaca do mar

 

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, declarou que a Carolina do Sul está em estado de emergência após inundações provocadas pelas fortes chuvas que atingiu a região, segundo a Reuters. Em um comunicado foi divulgado neste sábado (3) pela Casa Branca, Obama ofereceu ajuda federal para complementar os esforços das administrações estaduais e locais.

South Carolina National Guardsman from the 1052th Transportation Company cover a truckload of sandbags preparing to head out to one of several locations in S.C. at the Wateree Correctional Facility, Oct. 3, 2015 to prevent flooding in low-lying areas in the wake of Hurricane Joaquin. The National Guardsmen transported the sandbags after the inmates filled them and then delivered the completed sandbags to one of the drop-off points in Chester, Columbia, Greenville, Florence and Clinton. Soldiers from the S.C. National Guard train throughout the year in preparation for these types of natural events and are always at the ready when the Governor calls to assist in emergency response or disaster clean up.  (U.S. Army National Guard Photo by Sgt. Brad Mincey/Released)

(U.S. Army National Guard Photo by Sgt. Brad Mincey/Released)
Flood waters in downtown Greenville, South Carolina, Oct. 3, 2015 in wake of record rainfalls in South Carolina. (U.S. Army National Guard photo by Staff Sgt. Roby Di Giovine/ Released)
Flood waters in downtown Greenville, South Carolina, Oct. 3, 2015 in wake of record rainfalls in South Carolina. (U.S. Army National Guard photo by Staff Sgt. Roby Di Giovine/ Released)

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, declarou que a Carolina do Sul está em estado de emergência após inundações provocadas pelas fortes chuvas que atingiu a região, segundo a Reuters. Em um comunicado foi divulgado neste sábado (3) pela Casa Branca, Obama ofereceu ajuda federal para complementar os esforços das administrações estaduais e locais.

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, declarou que a Carolina do Sul está em estado de emergência após inundações provocadas pelas fortes chuvas que atingiu a região, segundo a Reuters. Em um comunicado foi divulgado neste sábado (3) pela Casa Branca, Obama ofereceu ajuda federal para complementar os esforços das administrações estaduais e locais.

21752634908_3972394b44_o

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, declarou que a Carolina do Sul está em estado de emergência após inundações provocadas pelas fortes chuvas que atingiu a região, segundo a Reuters. Em um comunicado foi divulgado neste sábado (3) pela Casa Branca, Obama ofereceu ajuda federal para complementar os esforços das administrações estaduais e locais.

South Carolina National Guardsman from the 1050th Transportation Battalion loaded nearly 14,000 sandbags onto trucks at the Wateree Correctional Facility, Oct. 3, 2015 in preparation of Hurricane Joaquin. The inmates filled the sandbags, which were distributed throughout South Carolina to prevent flooding in low-lying areas of Chester, Columbia, Greenville, Florence and Clinton. Soldiers from the S.C. National Guard train throughout the year in preparation for these types of natural events and are always at the ready when the Governor calls to assist in emergency response or disaster clean up.  (U.S. Army National Guard Photo by Sgt. Brad Mincey/Released)

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, declarou que a Carolina do Sul está em estado de emergência após inundações provocadas pelas fortes chuvas que atingiu a região, segundo a Reuters. Em um comunicado foi divulgado neste sábado (3) pela Casa Branca, Obama ofereceu ajuda federal para complementar os esforços das administrações estaduais e locais.

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, declarou que a Carolina do Sul está em estado de emergência após inundações provocadas pelas fortes chuvas que atingiu a região, segundo a Reuters. Em um comunicado foi divulgado neste sábado (3) pela Casa Branca, Obama ofereceu ajuda federal para complementar os esforços das administrações estaduais e locais.

Flood waters in downtown Greenville, South Carolina, Oct. 3, 2015 in wake of record rainfalls in South Carolina. (U.S. Army National Guard photo by Staff Sgt. Roby Di Giovine/ Released)
Flood waters in downtown Greenville, South Carolina, Oct. 3, 2015 in wake of record rainfalls in South Carolina. (U.S. Army National Guard photo by Staff Sgt. Roby Di Giovine/ Released)
Flood waters in downtown Greenville, South Carolina, Oct. 3, 2015 in wake of record rainfalls in South Carolina. (U.S. Army National Guard photo by Staff Sgt. Roby Di Giovine/ Released)
Flood waters in downtown Greenville, South Carolina, Oct. 3, 2015 in wake of record rainfalls in South Carolina. (U.S. Army National Guard photo by Staff Sgt. Roby Di Giovine/ Released)

21950240781_9d585ccd00_o

Deixe uma resposta

Top