You are here
Home > Esporte

Duplas masculinas de volei do Brasil estreiam no Major Series de Stavanger, na Noruega

rimeiro dia de disputa da chave masculina do Major Series de Stavanger não foi da maneira esperada pelas duplas brasileiras que representam o país na Noruega. Com exceção de Alison e Bruno Schmidt (ES/DF), que acumularam dois resultados positivos, Ricardo/Emanuel (BA/PR) e Pedro Solberg/Evandro (RJ) sofreram revezes. Álvaro Filho e Vitor Felipe (PB) tiveram que abandonar a competição por conta de um problema físico com Alvinho.

A dupla paraibana entrou em quadra na manhã desta quinta-feira (11.06), em Stavanger, contra os espanhóis Herrera e Gavira. Aos 19 minutos de jogo e vencendo por 11 a 6, Alvinho sentiu um desconforto no pé esquerdo e deixou a partida. Sem reunir condições, horas mais tarde a parceria, em conjunto com a comissão técnica, optou por deixar a disputa.

Amanhã a dupla retorna ao Brasil para iniciar o tratamento de Álvaro Filho e iniciar os treinamentos visando a Copa do Mundo da Holanda, no final de junho, e os Jogos Pan-Americanos de Toronto, no Canadá, no mês que vem.

Vale lembrar que nos últimos quatro torneios do Circuito Mundial (Open de Praga, Grand Slam da Rússia e Major Series de Porec e Stavanger) a dupla partiu do country quota, passando pelo qualificatório e avançando à fase de grupos.

No primeiro confronto do dia pela chave masculina, Alison e Bruno Schmidt (ES/DF) foram surpreendidos pelo jogo aguerrido dos canadenses Sam Pedlow e Grant OGorman, que no classificatório haviam eliminado Márcio e Saymon (CE/MS). Apesar de estar bem na partida, o Brasil só conseguiu a virada no primeiro set no 19° ponto, quando marcou 19/18. Mas, salvando bolas praticamente indefensáveis, o Canadá fechou a etapa em 22/20.

Alison e Bruno Schmidt aproveitaram o tempo entre os períodos para ajustar a estratégia, e dar o troco nos adversários. Com a marcação mais ajustada de Alison na rede, o Brasil cresceu de produção e virou a partida, fechando o set em 23/21. Apesar de largarem desvantagem no tie-break, os brasileiros quebraram a recepção adversária e virou bolas decisivas, para fechar o set em 15/13, após cortada de Bruno Schmidt. O jogo durou 57 minutos.

Na sequência, vitória sobre os alemães Alexander Walkenhorst e Stefan Windscheifpor 2 sets a 0, em parciais de 21/8 e 24/22, em 33 minutos. “O grande segredo para a vitória foi gostar do jogo. A competição em Stavanger está apenas começando, mas estamos gostando dos jogos, e isso é o mais importante”, disse Bruno Schmidt. A dupla volta à quadra amanhã, contra os italianos Paolo Nicolai e Daniele Lupo, que também venceram duas vezes, brigando pela liderança e vaga direta às oitavas de final.

Dupla campeã do Circuito Brasileiro de Vôlei de Praia Open, Ricardo e Emanuel (BA/PR) foram surpreendidos em seus dois compromissos pela fase de grupos. No primeiro, derrota para os australianos Isaac Kapa e Christopher McHugh por 2 sets a 1: parciais de 21/18, 22/24 e 15/12, em 55 minutos de jogo.

O segundo jogo, também com um revés, contou com muita discussão com a arbitragem e polêmicas. Os brasileiros saíram na frente do placar, mas sofreram a virada no tie-break (21/17, 12/21, 8/15), em 41 minutos. Os campeões olímpicos encaram os norte-americanos Stafford Slick e Sean Rosenthal nesta sexta-feira, no último jogo da chave, e precisam vencer para continuarem vivos na competição.

Já Pedro Solberg e Evandro acumularam uma derrota e uma vitória em Stavanger. Pelo grupo G, os cariocas foram surpreendidos pelos alemães Markus Böckermann e Lars Flüggen por 2 sets a 1 (21/12, 17/21 e 15/13), em 45 minutos.

E pelo encerramento do primeiro dia de disputas masculinas venceram Philip Gabathuler e Mirco Gerson, da Suíça, por 2 sets a 0 (21/17 e 21/15), em 36 minutos de jogo. Os cariocas encerram a fase de grupos contra os austríacos Clemens Doppler e Alexander Horst. Uma vitória garante a dupla no primeiro lugar da chave, classificando-se diretamente às oitavas de final do torneio.

O Major Series de Stavanger será o segundo de três na temporada do Circuito Mundial. Ele possui a mesma pontuação, formato e premiação que os Grand Slams. A cidade no litoral sul da Noruega já recebeu 14 eventos no naipe masculino e 11 no feminino.

Stavanger- Noruega- 11/06/2015- O primeiro dia de disputa da chave masculina do Major Series de Stavanger não foi da maneira esperada pelas duplas brasileiras que representam o país na Noruega. Com exceção de Alison e Bruno Schmidt (ES/DF), que acumularam dois resultados positivos, Ricardo/Emanuel (BA/PR) e Pedro Solberg/Evandro (RJ) sofreram revezes. Álvaro Filho e Vitor Felipe (PB) tiveram que abandonar a competição por conta de um problema físico com Alvinho.  A dupla paraibana entrou em quadra na manhã desta quinta-feira (11.06), em Stavanger, contra os espanhóis Herrera e Gavira. Aos 19 minutos de jogo e vencendo por 11 a 6, Alvinho sentiu um desconforto no pé esquerdo e deixou a partida. Sem reunir condições, horas mais tarde a parceria, em conjunto com a comissão técnica, optou por deixar a disputa. Amanhã a dupla retorna ao Brasil para iniciar o tratamento de Álvaro Filho e iniciar os treinamentos visando a Copa do Mundo da Holanda, no final de junho, e os Jogos Pan-Americanos de Toronto, no Canadá, no mês que vem.  Vale lembrar que nos últimos quatro torneios do Circuito Mundial (Open de Praga, Grand Slam da Rússia e Major Series de Porec e Stavanger) a dupla partiu do country quota, passando pelo qualificatório e avançando à fase de grupos.  "O Álvaro Filho sofreu uma contratura, e em conjunto com a CBV, acertamos o planejamento de dar uma pausa nas competições, para condicionamento e recuperação dos atletas", explicou Ernesto Souza, técnico da parceria. "É uma situação complicada, pois quem é atleta quer sempre jogar e ganhar. Mas é uma decisão preventiva. Temos dois torneios muito grandes pela frente, onde vamos representar muito bem nosso país", acrescenta Álvaro Filho. Foto: CBV
Foto: CBV
Stavanger- Noruega- 11/06/2015- O primeiro dia de disputa da chave masculina do Major Series de Stavanger não foi da maneira esperada pelas duplas brasileiras que representam o país na Noruega. Com exceção de Alison e Bruno Schmidt (ES/DF), que acumularam dois resultados positivos, Ricardo/Emanuel (BA/PR) e Pedro Solberg/Evandro (RJ) sofreram revezes. Álvaro Filho e Vitor Felipe (PB) tiveram que abandonar a competição por conta de um problema físico com Alvinho.  A dupla paraibana entrou em quadra na manhã desta quinta-feira (11.06), em Stavanger, contra os espanhóis Herrera e Gavira. Aos 19 minutos de jogo e vencendo por 11 a 6, Alvinho sentiu um desconforto no pé esquerdo e deixou a partida. Sem reunir condições, horas mais tarde a parceria, em conjunto com a comissão técnica, optou por deixar a disputa. Amanhã a dupla retorna ao Brasil para iniciar o tratamento de Álvaro Filho e iniciar os treinamentos visando a Copa do Mundo da Holanda, no final de junho, e os Jogos Pan-Americanos de Toronto, no Canadá, no mês que vem.  Vale lembrar que nos últimos quatro torneios do Circuito Mundial (Open de Praga, Grand Slam da Rússia e Major Series de Porec e Stavanger) a dupla partiu do country quota, passando pelo qualificatório e avançando à fase de grupos.  "O Álvaro Filho sofreu uma contratura, e em conjunto com a CBV, acertamos o planejamento de dar uma pausa nas competições, para condicionamento e recuperação dos atletas", explicou Ernesto Souza, técnico da parceria. "É uma situação complicada, pois quem é atleta quer sempre jogar e ganhar. Mas é uma decisão preventiva. Temos dois torneios muito grandes pela frente, onde vamos representar muito bem nosso país", acrescenta Álvaro Filho. Foto: CBV
Foto: CBV
Stavanger- Noruega- 11/06/2015- O primeiro dia de disputa da chave masculina do Major Series de Stavanger não foi da maneira esperada pelas duplas brasileiras que representam o país na Noruega. Com exceção de Alison e Bruno Schmidt (ES/DF), que acumularam dois resultados positivos, Ricardo/Emanuel (BA/PR) e Pedro Solberg/Evandro (RJ) sofreram revezes. Álvaro Filho e Vitor Felipe (PB) tiveram que abandonar a competição por conta de um problema físico com Alvinho.  A dupla paraibana entrou em quadra na manhã desta quinta-feira (11.06), em Stavanger, contra os espanhóis Herrera e Gavira. Aos 19 minutos de jogo e vencendo por 11 a 6, Alvinho sentiu um desconforto no pé esquerdo e deixou a partida. Sem reunir condições, horas mais tarde a parceria, em conjunto com a comissão técnica, optou por deixar a disputa. Amanhã a dupla retorna ao Brasil para iniciar o tratamento de Álvaro Filho e iniciar os treinamentos visando a Copa do Mundo da Holanda, no final de junho, e os Jogos Pan-Americanos de Toronto, no Canadá, no mês que vem.  Vale lembrar que nos últimos quatro torneios do Circuito Mundial (Open de Praga, Grand Slam da Rússia e Major Series de Porec e Stavanger) a dupla partiu do country quota, passando pelo qualificatório e avançando à fase de grupos.  "O Álvaro Filho sofreu uma contratura, e em conjunto com a CBV, acertamos o planejamento de dar uma pausa nas competições, para condicionamento e recuperação dos atletas", explicou Ernesto Souza, técnico da parceria. "É uma situação complicada, pois quem é atleta quer sempre jogar e ganhar. Mas é uma decisão preventiva. Temos dois torneios muito grandes pela frente, onde vamos representar muito bem nosso país", acrescenta Álvaro Filho. Foto: CBV
Foto: CBV

Deixe uma resposta

Top