You are here

Ministério da Saúde confirma 16 casos de Zika, febre “prima” da dengue

O Instituto Evandro Chagas confirmou na manhã desta quinta-feira 16 casos de Zika Vírus no País — oito no Rio Grande Norte e oito casos na Bahia. O resultado dos exames foi divulgado pelo ministro da Saúde, Arthur Chioro. O ministro afirmou que a pasta já esperava a confirmação e que outros casos devem ocorrer no país.  Chioro acrescentou que, embora possa provocar muito incômodo, a Zika não traz risco de morte. A doença provoca febre baixa, vermelhidão nos olhos, dores nas articulações, no corpo e de cabeça. O ministro contou que a chegada no Brasil da doença já era esperada desde a Copa do Mundo. A Zika é transmitida pela picada do mosquito Aedes aegypti contaminado com o vírus. Depois da contaminação, o paciente leva em média quatro dias para apresentar os primeiros sintomas.

rn_dengue_fp00760-850x584 rn_dengue_fp00761-850x607

Foto: Rafael Neddermeyer

Deixe uma resposta

Top