You are here
Home > Esporte

Campeão Mundia! Parabéns Gabriel Medina!

Medina dá ao Brasil o primeiro título mundial na principal categoria do surf

Foto: Divulgação

O paulista Gabriel Medina, 20 anos, tornou-se hoje (19) o primeiro brasileiro a faturar o título de campeão mundial de surf profissional. Após vencer o havaiano Dustin Payne e avançar para as quartas de final da décima  primeira e última etapa do circuito, disputada nas ondas de Pipeline, no Havaí, Medina viu seu conterrâneo Alejo Muniz vencer o australiano Mick Fanning, 33, segundo colocado no ranking, o que lhe garantiu o título da temporada. O Billabong Pipe Master ainda não foi concluído.

Acompanhado pela internet por milhares de pessoas, o campeonato mobilizou Maresias, praia de São Sebastião, no litoral norte de São Paulo, onde Medina mora e aprendeu a surfar. Com um grupo de amigos moradores de São Sebastião, todos praticantes de surf, Júnior viabilizou a instalação de um telão para exibir o evento para quem não tem acesso à internet. “Muitos jovens pobres de São Sebastião surfam, e o sonho de muitos é virar surfista profissional. Isso já acontecia antes, mas agora, com o sucesso do Medina, do Miguel Pupo e do Filipe Toledo, ficou ainda maior. A praia, hoje, parou”.

Medina não é só o primeiro brasileiro a conquistar o campeonato da principal categoria do surfmundial, ele também é o primeiro latino-americano a se sagrar o melhor do mundo desde 1976, quando foi criado um circuito mundial com várias etapas, nos moldes do atual. Antes disso, apenas o peruano Felipe Pomar exibia o título de campeão do mundo, obtido em 1965, com a vitória no primeiro campeonato mundial oficial da história, ocorrido em uma única etapa. A partir daí, o esporte foi dominado por norte-americanos, australianos e havaianos (apesar de o Havaí ser um estado norte-americano, seus surfistas competem como se fossem uma nação independente).

O título da Associação Profissional de Surf (ASP) consagra a ascensão no cenário internacional do jovem atleta que há tempos era apontado como uma das maiores promessas do esporte. Morador de São Sebastião, no litoral norte de São Paulo, Medina começou a surfar aos 9 anos, por influência do padrasto e, hoje, técnico, Charles Rodrigues. Habituado às fortes ondas da Praia de Maresias, ele começou a confirmar as expectativas já em 2009. Com apenas 15 anos de idade e ainda amador, tornou-se o mais jovem surfista do mundo a vencer uma prova seis estrelas do circuito profissional mundial, disputada na Praia Mole, em Florianópolis (SC). Seu adversário na final, o também brasileiro Neco Padaratz, tinha 32 anos e larga experiência nesse tipo de competição.

O brasileiro liderou o ranking durante praticamente todo o ano – um fato raro. Das 10 etapas já concluídas, o brasileiro já venceu três – e ainda pode vencer esse último evento. O tricampeão mundial Mick Fanning também ganhou três campeonatos, mas enquanto o brasileiro já chegou quatro vezes à quinta colocação, o australiano obteve menos resultados semelhantes, terminando em posições piores que Medina nos outros eventos. Já o onze vezes campeão do mundo Kelly Slater até aqui não venceu nenhuma etapa em 2014.

Deixe uma resposta

Top