You are here
Home > Notícias

O verão de 2015 baterá um recorde importante para o Rio de Janeiro



RJ, Brasil – O Verão de 2015 baterá um recorde importante para o Rio de Janeiro. Durante a temporada, o estado tem previsão de receber o maior número de visitantes da história, cerca de 3.4 milhões apenas na capital e 1,5 milhão nos principais municípios turísticos, como Búzios, Cabo Frio, Angra dos Reis e Paraty. Os números confirmam a consolidação do estado como maior rota do turismo internacional no Brasil e a cidade do Rio como principal destino turístico na América Latina.
Algumas ações promovidas pelo Governo do Estado vêm ajudando a firmar o Rio de Janeiro como o estado de maior vocação turística do país, focando, principalmente, no incremento ao turismo no interior. Pela primeira vez, Búzios e Paraty terão queima de fogos oficial. Além disso, os dois municípios, assim como Niterói, Cabo Frio e Angra dos Reis, vão contar com o apoio do Estado em suas festas de Réveillon. 
A criação, este ano, da Rota da Cachaça do Vale do Café e do Polo Cervejeiro da Região Serrana faz parte de um plano da Secretaria de Turismo que visa valorizar os produtos originários das duas regiões, atraindo viajantes e fortalecendo toda a cadeia turística durante o Verão. A Rota da Cachaça reúne 15 municípios das regiões do Médio Paraíba e Centro-Sul Fluminense (Areal, Barra do Piraí, Barra Mansa, Engenheiro Paulo de Frontin, Mendes, Miguel Pereira, Paraíba do Sul, Paty do Alferes, Piraí, Resende, Rio das Flores, Três Rios, Valença e Vassouras) e quer mostrar, através da criação de um circuito coordenado, uma parte da história do Brasil Colonial. O recém-criado Polo Cervejeiro pretende transformar a cerveja em um produto turístico. A iniciativa foi desenvolvida pelo Conselho Serra Verde Imperial e conta com o apoio do Estado e do Ministério do Turismo. Outro projeto de incentivo ao turismo no interior é a Sinalização de Valorização Turística. A ideia inédita no país pretende destacar os ativos culturais dos municípios fluminenses e abranger os aspectos particulares das localidades.

Deixe uma resposta

Top